Câmara aprova instauração de Comissão Especial de Averiguação, para acompanhar supostas irregularidades na destinação de combustível

por Claudinei Sorce publicado 24/05/2022 12h15, última modificação 25/05/2022 10h31

 

Durante a 14ª Sessão Ordinária, de forma unânime, os vereadores votaram e aprovaram na segunda-feira (23), a instauração de uma comissão especial de averiguação, com a finalidade de verificar e acompanhar as supostas irregularidades na destinação de combustível que atende a frota da prefeitura municipal de Cacoal.

 

Para formar a Comissão Especial de Averiguação, o presidente da casa de leis, João Paulo Pichek (Republicanos), nomeou os vereadores Toninho do Jesus (Podemos), Zivan Almeida (PSC), e Paulinho do Cinema (PSB).

 

Como a comissão é formada por "presidente, relator e membro", Pichek disse que são eles que vão decidir qual será a função de cada um nesse processo.

 

A Comissão terá noventa (90), para apresentar o relatório, prorrogável uma única vez por igual período, desde que aprovado pelo Plenário.

Segundo foi divulgado pela própria administração municipal, no início do mês de maio, o prefeito Adailton Fúria (PSD), registrou uma ocorrência policial na delegacia regional de Cacoal, onde apresentou uma denúncia para investigar um suposto desvio de combustíveis da frota da prefeitura de Cacoal.

 

Um procedimento administrativo foi instaurado para apurar a situação.

 

Dois servidores públicos da Prefeitura de Cacoal foram afastados das funções por suspeita de desvio de combustíveis, e um processo administrativo foi instaurado para apurar o caso.